Cachorro no Carnaval - lista de cuidados - Vitale - Centro Médico Veterinário

Cachorro no Carnaval – lista de cuidados

Não tem jeito. Quem tem cachorro, não consegue pensar em passar uma data de alegria longe. Em época de Carnaval, não é exceção. O número de tutores que leva o “amigão” aos bloquinhos de rua ou para viajar é enorme. Entretanto, é preciso ficar atento em alguns detalhes. Saiba agora quais cuidados devem ser tomados com cachorro no carnaval

Cuidados para manter seu cachorro seguro no Carnaval

Só porque a época é de folia, não quer dizer que você não deva pensar na segurança do seu bichinho. Conheça agora alguns cuidados que devem ser tomados com cachorro no carnaval. 

Plaquinha de identificação é fundamental para a segurança do cachorro no Carnaval 

A plaquinha de identificação é fundamental, principalmente, para quem vai levar o cachorro a bloquinhos de rua. Por mais que você tome muito cuidado, em algum momento, pode ser que seu pet se solte e, assustado pela quantidade de pessoas e pelo alto barulho, fuja. Nesses momentos, caso tenha plaquinha, você poderá ser contatado. Deve constar nome do animal, telefone de contato e nome do tutor na plaquinha. 

Os fogos também podem ser um problema no Carnaval

Você acha mesmo que os fogos só causam pânico no Ano Novo? Está muito enganado! No Carnaval, durante a passagem dos bloquinhos, pode ocorrer queima de fogos e os foliões podem se empolgar e acender sinalizador. Portanto, mantenha seu pet sempre perto de você. Em caso de pânico, afaste-se desses locais para segurança emocional e o estresse no cão.

 Conheça as consequências dos fogos de artifício para animais.

Não perca a “mão” na hora de fantasiar 

Um dos grandes motivos pelos quais os tutores querem levar seus pets em blocos de Carnaval é para que possam fantasia-lo. Apesar de ser uma prática comum e permitida, fica o alerta: não exagere. 

Veja se a roupinha é muito quente, se é apertada. Não são nada seguros, o uso de espumas e glitter (mesmo que autorizados na embalagem para o uso em animais). 

MUITO IMPORTANTE: Não passe nada no pelo do animal. A maioria das substâncias é tóxica e pode arrecatar sérios problemas à saúde, como sprays coloridos e tinturas.

Confira a temperatura do chão se for levar seu cachorro para pular Carnaval 

Antes de pensar em levar seu cachorro para os bloquinhos de rua, coloque o pé descalço ou a mão no chão para sentir a temperatura. Se não aguentar o contato por mais de 15 segundos, saiba que o seu cão queimará as patinhas com facilidade e dói demais.

Água na bolsa para você e para seu pet

A hidratação também é importante para os animais. Sendo assim, não esqueça de levar uma garrafinhas congelada para que possa refrescar durante o passeio. 

Molhar o corpo do animal para que ele se refresque durante o passeio é muito importante e evita Intermação, ou super aquecimento do animal, em Qualquer raça, pelagem, tamanho, se fica no colo ou no chão. 

Só saia de casa com o cachorro no Carnaval, caso as vacinas estejam em dia

vacinação em cães

A interação com ambientes e animais desconhecidos pode fazer seu cachorro adoecer. É importante que todas as vacinas estejam em dia e que o controle de pulgas e carrapatos também. 

Avalie: a melhor coisa para o seu cachorro é leva-lo para aproveitar o Carnaval? 

Quando se trata de seres que dependem da gente, temos que deixar nossos gostos e vontades de lado e começar a pensar no que é melhor para o animal. Reflita: você acha mesmo que é seguro levar seu pet para aproveitar os bloquinhos de rua? 

Em bloquinhos: 

·         O cachorro pode ingerir substâncias prejudiciais, como serpentina, confete, espuma, pontas de cigarro e outros, palitos, restos de comida; 

·         Pode se machucar, pisando em vidros ou latinhas jogadas, além de haver a possibilidade de queimar as patinhas com o chão quente; 

·         Pode ficar incomodado com barulho alto da banda e dos fogos; 

·         Há a possibilidades de fuga, por sentir medo de uma situação de extrema folia. 

E viajar com pet…pode? 

Sempre usamos da seguinte ação: “pode viajar tranquilo, que do seus seus filhos, nós cuidamos”. 

Poder, pode. Mas você precisa avaliar como vai levar o animal. Se for de cachorro, qual é o tempo de viagem? Vai usar cinto de segurança? Está preparado para fazer paradas para evitar que o pet enjoe? A recomendação é sempre evitar que o animal passe por situações de muito estresse. 

Se optar por deixar o cão em um hotelzinho, avaliando essas questões, não deixe de visitar o local, buscar feedbacks de outros clientes, saber procedimentos de segurança do estabelecimento e combinar dias e horários para envio de fotos, prefira os que tenham câmeras 24 horas e acompanhamento dos Pets durante a noite tambem.

E se der problema….

Se der qualquer tipo de problema, não tente resolver com soluções caseiras. Casos de intoxicação ou machucados PRECISAM ser tratados por profissionais médicos veterinários. 

Combinar com o veterinário sobre o período da viagem, quem ficará com o pet e levará até o hospital, em caso de necessidade, que esse local não tente tratar com receitas caseiras ou de internet antes e comprometer a saúde dos Pets, ajuda muito. Trabalhamos dessa forma com vários hotéis, babás e cuidadores e tem dado muito certo em todos esses anos. Sabendo o histórico do animal, ajuda ainda mais a melhora precoce. Quem cuida ama, e somos encharcados de amor por nossos pacientes. 

Caso suspeite de traumas ou dores, leve o animal a uma clínica veterinária para que exames sejam realizados e o diagnóstico seja feito com maior precisão. 

Centro Médico Veterinário Vitale 24 horas possui experiência nas mais diversas especialidades, incluindo profissionais preparados para lidar com situações de urgência e emergência e aparelhos de exame de imagem de última geração. 

Os animais são tratados com toda o amor, carinho, qualidade e segurança.

O Vitale está localizado na Avenida dos Bancários, 06, na Ponta da Praia, em Santos. Os agendamentos podem ser feitos pelo telefone (13) 3041-3490 ou Whatsapp (13) 98133-7753. Realizamos atendimento de todas as especialidades, incluindo emergencial 24 horas por dia.

Nos siga no Instagram

CTA-Vitalecmv